Élder Dale G. Renlund: ‘A paz de Cristo elimina a inimizade’

Resumo do artigo

A pandemia tem sido um teste de estresse espiritual para a Igreja e seus membros. Os resultados são mistos, às vezes com tendências para a discórdia e para a divisão.

“Isto sugere que temos trabalho a fazer, para mudarmos nosso coração e para nos unirmos como verdadeiros discípulos do Salvador.”

A discórdia causa duas preocupações: “Primeiro, a discórdia enfraquece nosso testemunho coletivo ao mundo de Jesus Cristo e da redenção que vem através de Seus ‘méritos, … misericórdia e graça.’ (2 Néfi 2:8)”

Segundo, a discórdia não é espiritualmente saudável para as pessoas. “Somos privados de paz, alegria e descanso, e nossa capacidade de sentir o Espírito fica comprometida.”

Ao nos ofendermos facilmente ou respondermos às diferenças nos tornando irritados ou críticos, reprovamos no teste de estresse espiritual. Isso não significa que não haja esperança, mas identifica uma necessidade de mudança.

A união requer esforço. “Se não somos capazes de colocar nosso discipulado de Jesus Cristo acima dos interesses e pontos de vista pessoais, devemos reexaminar nossas prioridades e mudar.”

“Meu convite é que sejamos valorosos em colocarmos nosso amor a Deus e discipulado do Salvador acima de todas as outras considerações.”Mantenhamos o convênio intrínseco ao nosso discipulado — o convênio de sermos um.”

Élder Dale G. Renlund discursa na sessão da manhã de domingo, dia 3 de outubro de 2021, da 191ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.
Élder Dale G. Renlund discursa na sessão da manhã de domingo, dia 3 de outubro de 2021, da 191ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Credit: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Sobre Élder Renlund