O que fizeram o presidente e a irmã Nelson para ajudar uma jovem a sentir a paz do Senhor

HANÓI, Vietnã — Em um país de 97 milhões de pessoas e em um hotel cheio de milhares delas, 432 membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias se reuniram para receber ensinamentos de dois discípulos — o presidente Russell M. Nelson e o élder D. Todd Christofferson.

Mas antes do devocional em 17 de novembro, uma jovem aguardou ansiosa pela oportunidade de fazer uma pergunta ao presidente da Igreja.

Reunidos em uma sala de bastidores com alguns outros jovens adultos no JW Marriott Hotel, a jovem cumprimentou o presidente Nelson e sua esposa, a irmã Wendy Nelson. Quando o presidente Nelson fez perguntas ao grupo, ela levantou a mão timidamente. Ela não foi escolhida.

Presidente Russell M. Nelson, de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e sua esposa, irmã Wendy Nelson, e élder D. Todd Christofferson, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e sua esposa, irmã Kathy Christofferson, acenam para congregação após um devocional em Hanói, Vietnã, no domingo, dia 17 de novembro, 2019.
Presidente Russell M. Nelson, de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e sua esposa, irmã Wendy Nelson, e élder D. Todd Christofferson, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e sua esposa, irmã Kathy Christofferson, acenam para congregação após um devocional em Hanói, Vietnã, no domingo, dia 17 de novembro, 2019. Credit: Jeffrey D. Allred, Deseret News

No entanto, após o término da reunião foi determinado que mais uma pergunta poderia ser feita, e todos os olhos se voltaram para ela.

A sala ficou reverente enquanto ela falava sobre sua experiência com abuso emocional e sexual.

“Como podemos saber que a culpa não é nossa e que somos dignos de seguir a Deus e que Ele nos aceitará quando o seguirmos?”, ela perguntou.

O presidente Nelson olhou a jovem nos olhos e falou sobre a experiência mortal. “Nós viemos a esta terra para dois propósitos — para obter um corpo e ser testados”, disse ele. “Coisas ruins acontecerão com todo mundo. … Aquilo em que nos tornamos é como lidamos com coisas muito difíceis na vida. O principal é desenvolver fé em Deus, fé em Jesus Cristo e saber que você falará com Eles um dia. …. Com fé você pode superar. O Senhor dirá: ‘Bom trabalho’.”

Com as perguntas concluídas, todos se levantaram e o presidente e a irmã Nelson se prepararam para participar do devocional. Mas em vez de saírem do recinto, eles caminharam diretamente em direção à jovem. O presidente Nelson deu um conselho particular. A irmã Nelson, cuja profissão é consultora de saúde mental, deu um abraço nela.

“Você era linda antes do abuso”, disse ela. “Você é linda depois do abuso. A culpa não foi sua.”

Um espírito doce encheu a sala. A jovem chorou.

O presidente e a irmã Nelson viajaram mais de 12.000 km para falar a centenas de pessoas.

Um homem pesca com uma rede em Hanói, Vietnã, no sábado, dia 16 de novembro, 2019.
Um homem pesca com uma rede em Hanói, Vietnã, no sábado, dia 16 de novembro, 2019. Credit: Jeffrey D. Allred, Deseret News

Mas naquele momento, parecia que eles tinham percorrido todo esse caminho para falar com apenas uma. O Senhor confiou em duas pessoas — um profeta e uma consultora — para transmitir Sua paz naquele dia.

Tudo começou quando uma jovem fiel corajosamente colocou sua confiança em Deus e buscou orientação.

Poucos minutos depois, o élder David F. Evans, setenta autoridade geral e presidente da Área Ásia, elogiou todos os fiéis Santos dos Últimos Dias do Vietnã. “Eu nunca estive com um grupo de jovens que depositam confiança em Deus como vocês”, disse ele.

O élder Christofferson do Quórum dos Doze Apóstolos também falou sobre essa determinação. “Vocês são honestos, e trabalham arduamente. Vocês têm alegria no coração. Somos gratos por seu exemplo e pelos sacrifícios que vocês fazem. Somos gratos pela alegria que trazem aos outros. Vocês nos representam muito bem.”

E então o élder Christofferson fez ao grupo uma doce promessa. “Deus sabe onde vocês estão. O Espírito Santo não precisa de visto para vir até aqui e prestar testemunho a vocês. Ele vai encontrá-los em qualquer lugar. … Repito, seu Pai Celestial está ciente de vocês. Por causa de seu exemplo e de sua fidelidade, Ele abençoará esta nação.”

Durante seu discurso, a irmã Nelson falou diretamente a outras pessoas da congregação que podem ter sofrido abuso emocional, físico ou sexual. Ela os incentivou a orar — perguntem ao Senhor “qual é o valor de vocês para Ele”, disse ela.

O presidente Nelson prometeu à pequena congregação que eles poderiam mudar uma nação. “Há muito a ser feito”, disse ele. “Muitas coisas grandes e maravilhosas acontecerão aqui no Vietnã.”

Um motorista viaja por uma ponte em Hanói, Vietnã, no sábado, dia 16 de novembro, 2019.
Um motorista viaja por uma ponte em Hanói, Vietnã, no sábado, dia 16 de novembro, 2019. Credit: Jeffrey D. Allred, Deseret News

O élder Christofferson mais tarde falou do “senso de futuro” que sentiu naquela noite.

Lá na menor reunião e entre os Santos mais fiéis dos últimos dias, o Senhor microgerenciou Sua Igreja, disse o presidente Nelson.

Uma jovem fez uma pergunta. Dezenas de pessoas viram a paz encher o coração dela. E centenas de outras pessoas aprenderam com uma nação de milhões de habitantes.

“O início é pequeno”, disse o presidente Nelson. “O trabalho é eterno.”