Templo de Seattle Washington fecha temporariamente devido ao COVID-19

A Igreja anunciou o fechamento do Templo de Seattle Washington devido às preocupações em torno do vírus COVID-19.

Em uma atualização divulgada no dia 6 de março, a Sala de Imprensa identificou o Templo de Seattle Washington como o sexto templo no mundo a fechar — e o primeiro nos Estados Unidos — de acordo com as recomendações dos órgãos locais de saúde pública. O governador de Washington, Jay Inslee, pediu que não sejam realizadas grandes reuniões ou encontros.

Mais de 230 casos do vírus foram notificados nos EUA em 18 estados até sexta-feira, dia 6, de acordo com um relatório da Associated Press. O estado de Washington tem pelo menos 70 casos confirmados e 13 mortes — a maior taxa de mortalidade em um estado dos EUA até agora. A maioria dos casos está na área da cidade de Seattle.

Além disso, não serão realizadas conferências de estaca ou conselhos de liderança do sacerdócio na área de Seattle. As reuniões sacramentais e outros pequenos encontros continuam em algumas áreas. Os membros são incentivados a seguirem os conselhos dos líderes locais do sacerdócio.

No dia 5 deste mês, a Igreja anunciou o fechamento do Templo de Roma Itália devido a preocupações de saúde semelhantes, assim como recomendações do governo do país. Outras informações serão disponibilizadas continuamente.

“Somos gratos pelas muitas expressões de apoio e preocupação que foram compartilhadas”, diz o comunicado da Igreja. “A Igreja continuará acompanhando os acontecimentos de perto e fazendo novos ajustes, conforme necessário. Continuamos orando por todos os afetados pelo vírus.”