A Igreja anuncia o fechamento de outros templos e diretrizes para grandes reuniões na BYU e BYU-Idaho

Após as mudanças feitas em relação à Conferência Geral, treinamento missionário e conferências de estaca, a Igreja anunciou o fechamento de outros templos e diretrizes para grandes eventos nos campi universitários da Igreja, devido às preocupações contínuas relacionadas com o vírus COVID-19.

Devocionais, apresentações e formaturas na Brigham Young University, BYU-Idaho, BYU-Hawaii e LDS Business College poderão ser canceladas, transmitidas ou gravadas e publicadas posteriormente, de acordo com a declaração sobre as diretrizes do Sistema Educacional da Igreja (SEI). A liderança de cada instituição de ensino tomará essas decisões.

O Presidente M. Russell Ballard fala durante um devocional no campus da BYU no Marriott Center em Provo, Utah, no dia 3 de março de 2020.
O Presidente M. Russell Ballard fala durante um devocional no campus da BYU no Marriott Center em Provo, Utah, no dia 3 de março de 2020. Credit: Jaren Wilkey, BYU Photo

A BYU anunciou em seu site, que é para professores e alunos, que as aulas dos dias 13, 16 e 17 foram canceladas. As aulas serão reiniciadas no dia 18 março por meio do ensino à distância. Todas as atividades esportivas e eventos artísticos estão suspensos.

Além do fechamento do Templo de Assunção Paraguai anunciado na manhã do dia 11 de março, outros quatro templos serão fechados: Templo de Boston Massachusetts, Templo de Copenhagen Dinamarca, Templo de Louisville Kentucky, Templo de Manhattan Nova York e Templo de Lisboa Portugal. No momento, há um total de 13 templos fechados pelo mundo todo devido ao vírus.

O Templo de Lisboa Portugal.
O Templo de Lisboa Portugal. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Os encontros da BYU-Pathway Worldwide seguirão as diretrizes fornecidas pela Presidência de Área e serão realizados de forma virtual, quando necessário. As escolas primárias e secundárias da Igreja também seguirão as diretrizes fornecidas pela Presidência de Área.

“O SEI está profundamente atento à saúde, educação e crescimento espiritual de cada um destes alunos e daqueles que os servem”, diz o comunicado. “As preocupações relacionadas ao COVID-19 têm impactado todas as partes da sociedade, inclusive a educação.” 

Os programas diários de Seminário e Instituto de estaca são instruídos a seguir as decisões sobre as reuniões das congregações locais. O Seminário em horário escolar e os campi do Instituto seguirão as decisões das escolas de ensino médio ou dos campi universitários locais. As diretrizes da Presidência de Área determinarão se os alunos se reunirão ou não para devocionais e formaturas locais.

“A Igreja continuará monitorando estas circunstâncias em desenvolvimento, assim como fazendo os devidos ajustes, quando necessário”, diz o comunicado.