Com a volta para casa mais cedo de milhares de missionários, BYU-Pathway lhes oferece programa de bolsas de estudo

Conforme milhares de missionários voltam para casa devido às mudanças nas restrições para estrangeiros em vários países em resposta à pandemia de COVID-19, muitos estão tendo o tempo de serviço interrompido ou alterado de forma imprevista.

Na tentativa de ajudar a acomodar as necessidades destes missionários retornados — muitos dos quais se encontram em um momento inesperado de limbo ou transição para a vida normal — a BYU-Pathway Worldwide anunciou na semana passada um novo desconto na matrícula e mensalidades, para os missionários que estão voltando ou que voltaram nos últimos cinco anos.

Graças a contribuições generosas de doares para os fundos de bolsas de estudo do programa de educação online de propriedade da Igreja, os missionários retornados, ou que estão retornando agora, são elegíveis para receber um desconto de 25% no valor da matrícula e mensalidades pelos três semestres do programa PathwayConnect, explicou JD Griffith, vice-presidente de administração da BYU-Pathway Worldwide.

No ano passado, a BYU-Pathway anunciou que todos os missionários retornados seriam pré-aprovados para admissão no programa PathwayConnect. Mas este ano, à medida que milhares de missionários se encontram em uma situação inesperada, os administradores da BYU-Pathway queriam encontrar uma maneira adicional de ajudar o aumento repentino de missionários retornados que precisam de algo prático, espiritual e educacional para continuar seu desenvolvimento e crescimento espiritual, após voltarem do campo missionário.

Os élderes Noah Deckard, Nathan Budge e Jackson Nielsen pegam sua bagagem enquanto centenas de missionários de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias chegam das Filipinas ao Aeroporto Internacional de Salt Lake City no domingo, 22 de março de 2020.
Os élderes Noah Deckard, Nathan Budge e Jackson Nielsen pegam sua bagagem enquanto centenas de missionários de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias chegam das Filipinas ao Aeroporto Internacional de Salt Lake City no domingo, 22 de março de 2020. Credit: Jeffrey D. Allred, Deseret News

“Estamos realmente focados nestes missionários que estão sendo desobrigados antes do esperado”, explicou Griffith. Mas o desconto anunciado também estará disponível para todos os missionários retornados que voltaram nos últimos cinco anos, afirmou ele.

“Do ponto de vista pessoal, tive um filho que voltou mais cedo devido a alguns problemas de saúde e sei da importância de se envolver um jovem adulto em algo construtivo o mais rápido possível”, compartilhou. Muitos dos missionários que retornarem este ano voltarão para casa fora do tempo planejado e, em alguns casos, não estarão preparados com um plano para estudar ou para tomar os próximos passos. 

Para Summer Frandsen, que serviu missão em Cincinnati, Ohio, e voltou para casa em julho passado, a transição do serviço missionário em tempo integral para a vida regular foi mais fácil através de sua participação no programa PathwayConnect.

A transição de ter um horário rigoroso todos os dias, para chegar em casa e ter pouco ou nenhum horário, pode ser difícil, declarou. Mas o PathwayConnect oferece uma maneira de se manter conectado e focado no evangelho, ao mesmo tempo em que aprendemos habilidades práticas e valiosas para a vida.

“Quando voltamos para casa de uma missão é muito fácil se distrair com o mundo”, ela disse. “Chegamos em casa um pouco de surpresa. Mas com o PathwayConnect conseguimos aprender coisas que realmente não percebíamos que precisávamos aprender … e isto ajuda a se sentir ancorado.”

À medida que os missionários voltam para casa e concluem o período de 14 dias de autoisolamento para evitarem a possível propagação do coronavírus, a BYU-Pathway oferece uma opção com uma posição exclusiva dentro da educação da Igreja, para que os missionários permaneçam ocupados e continuem seu progresso pessoal de maneira remota e virtual.

Leia mais: Por que os encontros virtuais da BYU-Pathway são um lembrete do prenúncio do Senhor

“Queremos ajudar estes missionários com algumas das dificuldades encontradas ao voltar para casa mais cedo do que o previsto e talvez ajudar os pais, ou quem quer que seja que os ajude, com as despesas de estudos, oferecendo um desconto na matrícula e mensalidades para que eles possam começar a estudar”, disse Griffith. “Mesmo que eles só queiram fazer um ou dois semestres, esses créditos no PathwayConnect podem ser transferidos para outras escolas da Igreja, e por isso não é tempo perdido. É online, eles ainda têm a oportunidade de ficar em casa, fazer um curso online e ter algo para fazer todos os dias.”

Os encontros virtuais da BYU-Pathway Worldwide estão sendo implementados no mundo todo, em resposta ao surto do COVID-19.
Os encontros virtuais da BYU-Pathway Worldwide estão sendo implementados no mundo todo, em resposta ao surto do COVID-19. Credit: BYU-Pathway Worldwide

A fim de garantir que esse esforço seja benéfico, não apenas em curto prazo para aqueles que voltam para casa mais cedo, mas também a longo prazo para os missionários retornados que estão procurando por uma oportunidade para continuar seus estudos, os administradores da BYU-Pathway têm trabalhado de perto com o departamento missionário da Igreja.

Desde esta época no ano passado, as cartas com os detalhes sobre a data de partida que eles recebem por meio do portal do missionário na Internet, antes de voltarem para casa, incluem informações sobre a elegibilidade automática dos missionários retornados para se registrarem no programa PathwayConnect. Nas próximas semanas, no entanto, essas cartas serão atualizadas para incluir as informações sobre o desconto no pagamento também, afirmou Griffith. E, claro, aqueles que já foram desobrigados ou já voltaram para casa, também são elegíveis para o desconto na matrícula e mensalidades.

A esperança é que uma oferta como esta forneça algo positivo para estes missionários quando eles voltarem para casa durante este momento difícil, acrescentou Griffith. 

Esta bolsa de estudos, com desconto na matrícula e mensalidades, tem sido um teste piloto em certas áreas do mundo há quase um ano, explicou o presidente Clark Gilbert, presidente da BYU-Pathway Worldwide.

Os encontros virtuais da BYU-Pathway Worldwide estão sendo implementados no mundo todo, em resposta ao surto do COVID-19.
Os encontros virtuais da BYU-Pathway Worldwide estão sendo implementados no mundo todo, em resposta ao surto do COVID-19. Credit: BYU-Pathway Worldwide

“Tivemos uma ótima resposta aos nossos testes piloto para as bolsas de estudo para os missionários retornados ao longo do último ano”, declarou ele. “Agora, com tantos missionários retornados sendo impactados pela COVID-19, decidimos acelerar o programa para todos os missionários retornados, a fim de ajudá-los, bem como a família deles, a terem por onde começar.”

O próximo semestre do PathwayConnect começa no dia 20 de abril e as inscrições já estão abertas. O prazo prioritário para as inscrições é até 31 de março, mas elas estarão disponíveis até a data de início do novo semestre, que vai do dia 20 de abril a 23 de julho.

Opções de estudo do SEI disponíveis para os missionários retornados que acabaram de voltar para casa:

  1. PathwayConnect
  2. Graduação online por meio da BYU-Pathway/BYU-Idaho
  3. Campus do SEI (cursos online no meio do ano)
  4. Instituto