Como a RootsTech Connect 2021 se tornou um evento global e o que os organizadores querem que você saiba

Por muito tempo, a globalização da RootsTech tem sido uma aspiração para Steve Rockwood, CEO do FamilySearch, e para os que trabalham com ele. Em suas mentes, foi um “processo de muitos anos”, disse ele. 

Por exemplo, a RootsTech deu seu primeiro passo internacional em outubro de 2019, com um evento de três dias em Londres. Durantes seus 10 anos de história, a RootsTech recebeu visitantes de vários países em seu local de costume no Salt Palace em Salt Lake City. 

Porém, graças à pandemia de COVID-19, essa aspiração tem se tornado rapidamente uma realidade, já que a maior celebração da história da família será um verdadeiro evento global de 25 a 27 de fevereiro.  

Pela primeira vez, a RootsTech será completamente virtual e gratuita. No dia 16 de fevereiro, 315 mil pessoas já haviam sido inscritas na RootsTech Connect — 89% delas estarão participando em um evento da RootsTech pela primeira vez.

Assista: Como navegar no novo site da RootsTech Connect

“Quando a pandemia chegou, trouxe consigo uma oportunidade sem igual com esta restrição incrível de não podermos nos reunir pessoalmente”, disse Rockwood em uma recente entrevista para o Church News. 

“O que sempre aspiramos fazer pode agora ser feito online, aumentando a acessibilidade, assim como a conveniência, para que muitas mais pessoas ao redor do mundo possam ser abençoadas.”

Os principais objetivos da RootsTech Connect, disse Rockwood, são criar oportunidades para os participantes “aprenderem fazendo”, e proporcionar conexões significativas “onde o Espírito Santo possa testificar sobre a natureza divina da família.” 

Steve Rockwood, CEO do FamilySearch, fala sobre o tema da conferência, “A Sua História” durante seu discurso principal no dia 26 de fevereiro de 2020.
Steve Rockwood, CEO do FamilySearch, fala sobre o tema da conferência, “A Sua História” durante seu discurso principal no dia 26 de fevereiro de 2020. Credit: Cortesia RootsTech

A história da família não é apenas um passatempo dos santos dos últimos dias — passou a ser um fenômeno internacional, acrescentou Élder Kevin S. Hamilton, um Setenta Autoridade Geral e diretor executivo do Departamento de História da Família.

“Há um sentimento que surge quando encontramos nossos ancestrais e nos conectamos com eles. … Ele ultrapassa todos os dados demográficos, todas as religiões, todas as etnias e todos os idiomas”, disse Élder Hamilton. “E é nosso privilégio poder ajudar, servir e participar desse crescimento enquanto pessoas no mundo todo sentem o desejo de se conectarem. (…)

“Convidamos todos a participarem da RootsTech.”

Criando um evento global

Geralmente em meados de fevereiro, Jen Allen, diretora do evento RootsTech, está fazendo os preparativos finais para acomodar os 30 mil participantes no Salt Palace. Porém, ao invés de planejar onde os estandes e as cadeiras devem ser colocados, todo o planejamento logístico deste ano está em um site — e que está sendo construído para isso. 

Milhares de pessoas participam da noite para jovens da RootsTech no Salt Palace em Salt Lake City, no dia 26 de fevereiro de 2020.
Milhares de pessoas participam da noite para jovens da RootsTech no Salt Palace em Salt Lake City, no dia 26 de fevereiro de 2020. Credit: Scott G. Winterton, Deseret News

O site da RootsTech Connect incluirá a navegação em 11 idiomas e terá um “palco central” de 24 horas, com discursos principais sendo transmitidos em diversas línguas e fusos horários. Mais de 1.100 aulas serão oferecidas em 40 idiomas, ensinadas por apresentadores locais sobre assuntos específicos da área, disse Allen.

Os participantes podem procurar as aulas e criar suas próprias listas de vídeos, ou mesmo usar a seção Guia-Me para seguir uma experiência de aulas baseada na programação do dia. A seção Descoberta terá vídeos de três a cinco minutos sobre viagens, comidas, legados, tradições, danças e culturas ao redor do mundo.   

A experiência tradicional do salão de exposições também será online, com mais de 90 estandes virtuais. “Os participantes poderão visitar um estande e conversar por chat com especialistas da empresa”, além de assistir às demonstrações, baixar folhetos e recursos e comprar produtos, disse Allen.

Ao usarem o recurso Connect do site, os participantes também poderão conversar com palestrantes, apresentadores e outros participantes. As centenas de voluntários da RootsTech, geralmente vestidos com camisetas estampadas com as palavras “Ask me anything” [Pergunte-me qualquer coisa], estarão moderando o chat “Pergunte-me qualquer coisa”, disse Allen.  

“Acredito que esse recurso do chat será realmente a mágica do evento”, disse ela. 

À esquerda, Jen Allen, diretora da RootsTech, sorri durante um evento da RootsTech, ao lado de um outro organizador.
À esquerda, Jen Allen, diretora da RootsTech, sorri durante um evento da RootsTech, ao lado de um outro organizador. Credit: Courtesy Jen Allen

Allen incentivou os participantes a se registrarem no Parentes na RootsTech para se conectarem à Árvore Familiar do FamilySearch e descobrirem seu parentesco com outras pessoas no RootsTech. Nos anos anteriores, este recurso se aplicou apenas ao pequeno perímetro ao redor do Salt Palace, mas agora “será possível encontrar um primo na Noruega, na Irlanda ou na Argentina, dependendo de onde moram seus parentes.”

Enquanto alguns recursos, como o Parentes na RootsTech, serão acessíveis apenas durante o evento ao vivo, disse Allen, “as principais aulas e sessões estarão disponíveis durante o ano inteiro.

“Na verdade, estamos criando uma biblioteca de aprendizagem para as pessoas visitarem várias vezes — gratuitamente.

Eventos específicos para santos dos últimos dias

Apesar da RootsTech ser um evento aberto ao público em geral, algumas das sessões foram programadas especificamente para os santos dos últimos dias e suas famílias. 

Élder Jeffrey R. Holland, do Quórum dos Doze Apóstolos, e sua esposa, a irmã Patricia Holland, serão os principais discursantos no Dia de Descoberta Familiar  no sábado, dia 27 de fevereiro, ao meio-dia (horário de Salt Lake City). Em um segmento pré-gravado, Élder Holland e a irmã Holland visitam sua cidade natal, St. George, Utah, com sua família. 

Jovens e jovens adultos de 11 a 35 anos de idade, incluindo casais casados, estão convidados a participarem do “Nossa busca por conexão” através de uma série de 10 desafios durante os três dias do evento. Élder David A. Bednar, do Quórum dos Doze Apóstolos, a presidente geral das Moças Bonnie H. Cordon e o presidente geral dos Rapazes Steven J. Lund serão destaques em um evento de encerramento no dia 27 de fevereiro, às 13h00 (horário de Salt Lake City).

Durante a RootsTech Connect, Élder David A. Bednar, Élder Gary E. Stevenson e Élder Dale G. Renlund do Quórum dos Doze Apóstolos, também conduzirão treinamentos sobre o trabalho do Templo e História da Família para líderes santos dos últimos dias. A visualização sob demanda estará disponível a partir de quinta-feira, dia 25 de fevereiro.

Élder David A. Bednar, do Quórum dos Doze Apóstolos, interage com jovens e jovens adultos solteiros durante um painel de discussão na reunião de instruções para a liderança de Templo e História da Família de 2020 no dia 27 de fevereiro de 2020, no Teatro do Centro de Conferências em Salt Lake City.
Élder David A. Bednar, do Quórum dos Doze Apóstolos, interage com jovens e jovens adultos solteiros durante um painel de discussão na reunião de instruções para a liderança de Templo e História da Família de 2020 no dia 27 de fevereiro de 2020, no Teatro do Centro de Conferências em Salt Lake City. Credit: Leslie Nilsson, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Este treinamento de liderança começará com um painel de discussão com jovens de seis países, disse Élder Hamilton, seguido por uma série de visitas virtuais de Autoridades Gerais e líderes gerais com famílias e conselhos de ala, através do mundo.

Cinco dos 13 discursantes principais são membros da Igreja: Astrid Tuminez, presidente da Utah Valley University; bless4, coro e grupo de dança japonês; Tita, aclamado jogador de futebol brasileiro; Will Hopoate, jogador profissional da liga de rugby da Austrália; e Bruna Benites, uma jogadora de futebol olímpico do Brasil.

Impacto em eventos futuros  

A plataforma virtual trará “mudanças” para futuros eventos da RootsTech, disse Allen. “Eu diria que não há uma maneira de tirarmos isso do mundo, agora que aprendemos tudo o que precisávamos aprender. E, com o que temos aprendido, seremos capazes de fazermos muito melhor no próximo ano.”

Élder Hamiton disse que planejar a RootsTech Connect ao se adaptar à pandemia tem expandido sua visão da audiência do FamilySearch e do encargo de “construir a árvore familiar da humanidade.” 

“Se eu comparar aquilo que pensava um ano atrás com o que penso agora, tenho uma visão muito maior do mundo e de quem estamos tentando servir e abordar”, disse Élder Hamilton. 

Em comparação com os 7.8 bilhões de pessoas no mundo, os santos dos últimos dias são uma “pequena parte” da população, disse ele: “Então, acho que, cada vez mais, temos que pensar em uma visão muito mais ampla, muito mais mundial, muito mais global de quem está engajado neste trabalho. … E estamos animados para compartilharmos nossos recursos.”

Élder Kevin S. Hamilton, um Setenta Autoridade Geral e diretor executivo do departamento de História da Família da Igreja, discursa na reunião de instruções para a liderança de Templo e História da Família no dia 27 de fevereiro de 2020, no Teatro do Centro de Conferências em Salt Lake City.
Élder Kevin S. Hamilton, um Setenta Autoridade Geral e diretor executivo do departamento de História da Família da Igreja, discursa na reunião de instruções para a liderança de Templo e História da Família no dia 27 de fevereiro de 2020, no Teatro do Centro de Conferências em Salt Lake City. Credit: Leslie Nilsson, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

“Não fazemos isso sozinhos”, acrescentou Rockwood. Durante este ano, “temos percebido a extrema importância de nossos parceiros na indústria.” Sejam eles arquivos, sociedades genealógicas ou provedores comerciais, “estamos lá para ajudá-los a terem muito sucesso.”

Rockwood continuou: “Todos esses recursos fazem parte de um tipo de ‘armazém do bispo’. E temos apenas esta posição única, sem fins lucrativos e não-competitiva, para reuni-los e disponibilizá-los, seja na RootsTech ou no dia a dia. (…)

“Vocês verão fazendo mais para inspirar todos indivíduos e diferentes organizações a participarem da atual coligação de Israel em ambos os lados do véu, não importam quais sejam suas experiências ou crenças.” 

Aprenda mais sobre a RootsTech Connect e inscreva-se no evento gratuito no site RootsTech.org.