Presidente Bingham fala sobre as mulheres e o sacerdócio — O Senhor está nos guiando gentilmente

Nota do editor: Esta história é parte da série do Church News intitulada “Mulheres do Convênio”, em que mulheres da Igreja discutem suas experiências pessoais com o poder do sacerdócio e compartilham o que aprenderam por seguirem o conselho do Presidente Russell M. Nelson de “trabalhar com o Espírito para compreender o poder de Deus — o poder do sacerdócio” (“Tesouros Espirituais”, Conferência Geral, outubro de 2019).

Quando as mulheres entendermos verdadeiramente os privilégios e o poder que temos por causa do sacerdócio, nos regozijaremos.

O Presidente Russell M. Nelson ensinou durante seu discurso na Conferência Geral de Outubro de 2019, que os céus estão abertos, tanto para as mulheres que são investidas com o poder de Deus que emana de seus convênios do sacerdócio, quanto para os homens que portam o sacerdócio.

“Oro para que essa verdade fique registrada em seu coração, pois acredito que ela mudará sua vida”, disse. “Gostaria de deixar uma bênção sobre vocês, que compreendam o poder do sacerdócio com o qual vocês foram investidas e que ampliem esse poder ao exercerem fé no Senhor e em Seu poder.”

O Presidente Nelson convidou as mulheres da Igreja a “estudar em espírito de oração” sobre o poder do sacerdócio e “descobrir o que o Espírito Santo [nos] ensinará”. Amo o fato de que nosso profeta vivo convidou cada uma de nós, como mulheres, a aprendermos e recebermos revelações por nós mesmas para melhor “compreender[mos] e usar[mos] o poder com o qual [nós fomos] investidas”.

A Presidente Jean B. Bingham, presidente geral da Sociedade de Socorro, e o Presidente Russell N. Nelson conversam sobre o papel de mulheres na restauração do sacerdócio num vídeo apresentado durante a sessão da noite de sábado da 190ª Conferência Geral Anual no dia 4 de abril de 2020.
A Presidente Jean B. Bingham, presidente geral da Sociedade de Socorro, e o Presidente Russell N. Nelson conversam sobre o papel de mulheres na restauração do sacerdócio num vídeo apresentado durante a sessão da noite de sábado da 190ª Conferência Geral Anual no dia 4 de abril de 2020. Credit: Captura de tela, ChurchofJesusChrist.org

Muitas vezes durante minha vida, experimentei as bênçãos prometidas que vêm quando seguimos os conselhos dos profetas. Este convite não foi diferente. Pensando sobre seu convite, minha mente imediatamente se voltou para o templo — o lugar no qual fui investida com o poder do sacerdócio — e para a dádiva que este poder tem sido durante a minha vida. Levei anos para reconhecer como aquele poder é manifestado na minha vida.

O poder do sacerdócio, muito parecido com o dom do Espírito Santo, vem de nosso Pai Celestial e de nossa retidão pessoal. Ao guardarmos os nossos convênios, temos a oportunidade de receber revelação sobre nossa vida, sobre nossas famílias, empregos, escola — tudo pelo qual pedimos orientação. Não há nada que seja importante para nós que não seja importante para o Senhor. E quando convidamos o Espírito para estar conosco, podemos ter um maior entendimento do poder do sacerdócio através da orientação do Espírito Santo.

Nova série do Church News destaca as mulheres e o poder do sacerdócio

Quanto mais aprendo sobre o poder do sacerdócio por meio do estudo e experiência pessoal, mais compreendo o quão relevante é para todas as facetas da nossa vida. O poder do sacerdócio nos ajuda a receber revelação para nossos desafios diários.

Nos meus chamados, houve numerosos momentos quando tive pensamentos ou palavras que me foram dadas, que são exatamente o que uma moça, ou uma irmã da Sociedade de Socorro, ou criança da Primária, precisava ouvir. Sei que estas palavras vieram por causa da autoridade do sacerdócio que me foi dada quando fui designada para aquele chamado. 

“O poder do sacerdócio nos ajuda a receber revelação para nossos desafios diários.”

No casamento, assim como em qualquer relacionamento, as pessoas passam por estágios e fases de aprendizado e crescimento. Aprendi que, quando me lembro de quem meu marido é, quem sou e o que devemos estar fazendo juntos como filhos de Deus, a minha vida mudou. Termos sido selados juntos pela autoridade do sacerdócio nos capacitou e motivou a nos tornarmos mais unidos. Quando o Salvador disse, ‘Se não sois um, não sois meus’, Ele não quer dizer apenas no ambiente da Igreja. Ele também quer dizer em nossos relacionamentos familiares.

E como mãe, lembro de me preocupar com um filho jovem adulto que estava fazendo coisas que sabia que não o deixariam feliz. Tínhamos concordado em discutir o assunto e marcamos um horário para conversar. Antes do horário agendado para a nossa ligação, preparei meu sermão; sabia exatamente o que iria falar. Antes de falar, orei para ter o Espírito comigo. O que saiu da minha boca no início da nossa conversa e durante a ligação foi completamente diferente do que tinha planejado falar. Mas era exatamente o que aquela criança precisava. O dom do Espírito Santo permitiu que os corações fossem abrandados e que uma solução melhor fosse encontrada. Essa é uma demonstração de como o poder do sacerdócio funciona em nossas vidas.

A irmã Jean B. Bingham examina alguns dos materiais do programa piloto de Alfabetização do Evangelho com membros em Serra Leoa, enquanto faz uma visita para observar a implementação do programa. A irmã Bingham, presidente geral da Sociedade de Socorro, visitou o país da África Ocidental de 5 a 16 de junho de 2019.
A irmã Jean B. Bingham examina alguns dos materiais do programa piloto de Alfabetização do Evangelho com membros em Serra Leoa, enquanto faz uma visita para observar a implementação do programa. A irmã Bingham, presidente geral da Sociedade de Socorro, visitou o país da África Ocidental de 5 a 16 de junho de 2019. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Muito frequentemente, as mulheres tendem a se comparar umas com as outras. Mas ninguém se sente bem quando nos comparamos com outros. Cada mulher tem uma mistura única de habilidades e talentos e todos são dádivas dadas por Deus. Só porque você e eu não somos iguais — e nenhuma mulher é igual — não nos torna mais, ou menos. Precisamos encontrar nossos dons e desenvolvê-los, lembrando de quem nos deu estas dádivas, e então usá-las para Seus propósitos. Conforme compartilhamos nossos dons para abençoar outros, vivenciamos o poder do sacerdócio em nossas vidas.

Eu tive o privilégio de conhecer tantas mulheres excepcionais que demonstram fé e poder por meio de suas ações. As mulheres dão seus talentos e habilidades de maneiras incríveis e diversas. Fazem uma grande diferença na vida de todos ao seu redor — não apenas em suas famílias, mas em seus locais de trabalho, na igreja, na escola ou onde quer que passem seu tempo. 

Uma das coisas que aprendi sobre o sacerdócio é que obtemos melhores resultados quando trabalhamos interdependentemente uns com os outros. Foi assim que o Senhor o planejou; este é o padrão divino. Não precisamos competir porque todos estes dons, talentos e habilidades diferentes são necessários — tanto para os homens quanto para as mulheres. O Senhor está nos guiando gentilmente pelo caminho para que todos possamos ganhar uma melhor compreensão de como trabalharmos juntos e de como valorizarmos as contribuições uns dos outros. É verdadeiramente a melhor maneira de realizar Seu trabalho.

As mulheres não precisam esperar que alguém lhes diga o que fazer com seus dons, talentos e poder. Temos a habilidade de receber revelações por nós mesmas. Não deveríamos esperar para agir; precisamos ter a coragem de agir de acordo com a revelação que recebemos.

A irmã Jean Barrus Bingham, presidente geral da Sociedade de Socorro, lê as escrituras em seu escritório, no Edifício da Sociedade de Socorro em Salt Lake City, na quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020.
A irmã Jean Barrus Bingham, presidente geral da Sociedade de Socorro, lê as escrituras em seu escritório, no Edifício da Sociedade de Socorro em Salt Lake City, na quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020. Credit: Laura Seitz, Deseret News

Como o Presidente Nelson ensinou: “O que poderia ser mais emocionante do que trabalhar com o Espírito para compreender o poder de Deus — o poder do sacerdócio?” Ele prometeu que, “À medida que sua compreensão aumentar e, ao exercerem fé no Senhor e em Seu poder do sacerdócio, sua capacidade de fazer uso do tesouro espiritual que o Senhor disponibilizou aumentará”. E sei que estas promessas do profeta vivo são seguras.