Presidente Nelson fecha a Conferência Geral de Outubro com um convite para abraçarmos ‘um novo normal’ ao nos voltarmos a Cristo

Nos momentos finais da 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, o Presidente Russell M. Nelson olhou para o público virtual mundial e pediu que abraçassem “um novo normal”.

“O desafio para vocês, e eu, é nos certificarmos de que cada um de nós alcance seu potencial divino”, disse na tarde de domingo. “Hoje, frequentemente ouvimos sobre ‘um novo normal’. Se vocês realmente quiserem abraçar ‘um novo normal’, eu os convido a voltarem seu coração, mente e alma cada vez mais para o nosso Pai Celestial, e Seu Filho, Jesus Cristo. Deixe que isto seja o seu ‘novo normal.’”

Santos dos últimos dias podem abraçar um novo normal ao se arrependerem diariamente, procurarem ser cada vez mais puros em pensamentos e ações, ministrarem ao próximo, manterem uma perspectiva eterna e magnificarem seus chamados.

“Meus queridos irmãos e irmãs, vivam cada dia de forma que estejam mais preparados para encontrarem seu Criador”, disse.

No final da conferência realizada em meio à pandemia mundial de COVID-19, Presidente Nelson pediu aos membros para deixarem Deus prevalecer em suas vidas, sobrepujarem o preconceito, abraçarem o futuro com fé e seguirem em frente.

Ele também anunciou seis novos templos — Tarawa, Kiribati; Port Vila, Vanuatu; Lindon, Utah; Grande Cidade da Guatemala, Guatemala; São Paulo Leste, Brasil; e Santa Cruz, Bolívia — trazendo o número total de templos dedicados, anunciados ou em construção para 231.

Presidente Russell M. Nelson fala durante a sessão da manhã de domingo da 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, em 4 de outubro de 2020.
Presidente Russell M. Nelson fala durante a sessão da manhã de domingo da 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, em 4 de outubro de 2020. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Os templos abençoarão um mundo onde reportagens estão repletas de relatos de violência, degradação moral e uma pandemia global mortal. Vidas estão sendo perturbadas e muitos se sentem isolados e sozinhos, disse o Presidente M. Russell Ballard durante a sessão da manhã de domingo.

“Frequentemente penso naqueles que estão sofrendo, preocupados, amedrontados e se sentindo sozinhos. Garanto a cada um de vocês que o Senhor os conhece, que Ele está ciente de suas preocupações e angústias, e que Ele os ama — íntima e pessoalmente, profunda e eternamente.

“Todas as noites, quando oro, peço ao Senhor que abençoe todos que estão sobrecarregados pelo pesar, dor, solidão e tristeza. Sei que outros líderes da Igreja ecoam esta mesma oração. Nossos corações, individual e coletivamente, estão com vocês e nossas orações vão ao Pai em seu favor.”

Orações são necessárias hoje para as nações da Terra.

“Não importa como vocês orem ou a quem vocês orem, por favor, exercitem fé — independente de sua religião — e orem pelo seu país e pelos seus líderes nacionais. … Isto não é sobre política ou diretrizes. É sobre paz e a cura que pode sobrevir às almas das pessoas, assim como às almas dos países.”

Élder Ulisses Soares ensinou que buscar o Salvador em cada pensamento e segui-Lo de todo o coração requer alinhar nossa mente e desejos aos Dele. Isto significa viver a vida em harmonia com o evangelho de Jesus Cristo e focar “em tudo o que é bom”.

A irmã Lisa Harkness disse na manhã de domingo que, independente de suas circunstâncias, santos dos últimos dias podem intencionalmente se esforçarem para “edificarmos e aumentarmos nossa fé em Jesus Cristo”.

Eventos recentes pelo mundo todo golpearam nações, comunidades e indivíduos com provações imprevistas, disse. Em tempos de turbulência, “nossa fé pode parecer estar no limite de nossa resistência e entendimento”. Mas são nestes “duros períodos de nossa jornada” que a fé é frequentemente fortalecida. 

“Independente de nossas circunstâncias, podemos intencionalmente nos esforçar para edificarmos e aumentarmos nossa fé em Jesus Cristo. … Nossa fé aumenta quando escolhemos acreditar, ao invés de duvidarmos, perdoar, ao invés de julgarmos, nos arrependermos, ao invés de nos rebelarmos. A nossa fé é refinada quando confiamos pacientemente nos méritos, misericórdia e graça do Santo Messias.”

Uma família na Itália escuta à 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, nos dias 3 e 4 de outubro de 2020.
Uma família na Itália escuta à 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, nos dias 3 e 4 de outubro de 2020. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Élder Neil L. Andersen disse que membros podem melhorar ao falarem sobre Jesus Cristo em seus lares, com seus filhos, em reuniões de adoração e com aqueles ao seu redor, incluindo nas mídias sociais.

 “Enquanto o mundo fala menos sobre Jesus Cristo, vamos falar mais sobre Ele”, disse na manhã de domingo.

Presidente Henry B. Eyring disse que o Pai Celestial e Jesus Cristo querem que todos retornem a Eles e se tornem como Eles. “O seu sucesso é o sucesso Deles”, disse na tarde de domingo.

O propósito de Deus na Criação deste mundo foi de “dar aos Seus filhos a oportunidade de se provarem capazes e dispostos a escolherem o caminho correto quando for difícil”, Presidente Eyring disse. Ao fazê-lo, cada pessoa terá a oportunidade de mudar sua natureza para se tornar mais como Ele e “Ele sabia que isto requereria fé inabalável Nele.” 

A maior bênção — uma mudança de natureza para se tornar mais como Ele — virá apenas “quando nos provarmos fiéis aos nossos convênios durante nossas provações” e quando “notarmos as tribulações de outros e tentarmos ajudar”, disse Presidente Eyring. Ao levantar os fardos de outros, pouco a pouco, “As nossas costas são fortalecidas e sentimos uma luz na escuridão.” 

Élder Gary E. Stevenson disse na tarde de domingo que, durante a pandemia de COVID-19, santos dos últimos dias pelo mundo todo tiveram suas vidas reviradas. Missões, obra missionária e adoração tradicional do dia do Senhor foram perturbadas. Alguns perderam entes queridos. Muitos lidaram com desapontamentos de partir o coração, tristeza e desencorajamento.

“Então, como podemos nos curar, suportar e seguir em frente quando as coisas parecem estar quebradas?” Néfi, do Livro de Mórmon, fornece uma resposta eterna. Ele conheceu muitas aflições durante sua vida. Ainda assim, sua perspectiva do evangelho lhe permitiu ver que era “altamente favorecido pelo Senhor”.

Élder Dale G. Renlund disse na tarde de domingo que os santos dos últimos dias adquirem os atributos do Pai Celestial e de Jesus Cristo, ao amarem uns aos outros e seguirem o caminho do convênio.

“Uma pessoa justa se vira contra o pecado e em direção a Deus, faz convênios com Ele e guarda estes convênios. Uma pessoa justa escolhe obedecer aos mandamentos de Deus, se arrepende quando precisa e continua tentando.”

Élder Jeffrey R. Holland perguntou: Quanto tempo alguém espera pelo alívio de pandemias ou provações pessoais — mesmo quando esforços espirituais e orações de súplica não produzem os resultados desejados?

“Enquanto trabalhamos e esperamos juntos pelas respostas de algumas de nossas orações, ofereço minha promessa apostólica de que elas são ouvidas e respondidas, embora talvez não no momento ou da maneira que queremos”, disse na tarde de domingo. “Mas sempre são respondidas no momento certo e da maneira que um Pai onisciente e eternamente compassivo deve respondê-las.”

Líderes da Igreja sentados no Teatro do Centro de Conferências durante a sessão da tarde de domingo da 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, em 4 de outubro de 2020.
Líderes da Igreja sentados no Teatro do Centro de Conferências durante a sessão da tarde de domingo da 190ª Conferência Geral Semianual de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, em 4 de outubro de 2020. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Presidente Nelson encerrou a Conferência Geral pedindo aos membros para olharem para o Senhor Jesus Cristo, que dirige a Igreja.

“Meus queridos irmãos e irmãs, os abençoo para que sejam cheios da paz do Senhor Jesus Cristo. Sua paz vai além de qualquer compreensão mortal. Abençoo-os com um maior desejo e habilidade de obedecer às leis de Deus. Prometo que, ao fazerem isto, receberão muitas bênçãos, incluindo grande coragem, maior revelação pessoal, mais doce harmonia em seus lares e alegria, mesmo em meio a incertezas.

“Que possamos avançar juntos para cumprirmos nosso mandato divino — que é prepararmos a nós mesmos e ao mundo para a Segunda Vinda do Senhor.”