Por que as presidências das classes das Moças são necessárias agora mais do que nunca

Viver em uma pandemia global não significa que estejamos de férias de nossos chamados da Igreja. O serviço, amor e inspiração das moças que servem nas presidências de classe são necessários agora, mais do que nunca. 

Pense na diferença que poderia fazer para uma moça se ela recebesse uma mensagem de texto, ou outro tipo de mensagem de uma das meninas de sua presidência de classe, perguntando como ela estava, se havia algo que ela pudesse ajudar ou como estavam os estudos? A moça saberia que estava sendo lembrada, que alguém se importava com ela. 

Vivian Tillery, segunda conselheira de uma presidência de classe das Moças na Ala Panorama, Estaca Calgary Alberta Confederation Park, disse: “Envio uma mensagem de texto, ou outro tipo de mensagem, às moças pelo Instagram. Sei que é um momento difícil para todas nós. Eu me preocupo com elas; são minhas amigas e são como família para mim.”  

Uma presidência de classe das Moças em Sandy, Utah posa para uma foto.
Uma presidência de classe das Moças em Sandy, Utah posa para uma foto. Credit: Juliana Cole

Nossos jovens estão encontrando maneiras criativas para se ajudarem e permanecerem conectados. Na Ala Roskilde, Estaca Copenhague Dinamarca, as moças jogam “o minuto positivo”, quando compartilham pensamentos espirituais e/ou pensamentos e experiências positivas. As presidentes de classe também usam a internet para encontrarem filmes curtos ou mensagens espirituais e enviarem a seus grupos todas as semanas.

Katja, que serve como conselheira das Moças na ala, explicou: “Por meio de todo o trabalho que nossas duas jovens presidentes de classe fizeram, elas não apenas criaram um relacionamento mais forte e amoroso com suas amigas na Igreja, mas também ganharam uma melhor compreensão espiritual da importância de permanecerem próximas como moças — não apenas física, mas também mental e espiritualmente.” 

É um momento difícil para as moças e suas líderes, mas estamos vendo maneiras notáveis que as presidências de classe estão servindo e fazendo a diferença.

Ellie Whitmore, secretária da classe das moças da Ala Willow Hills, Estaca Sandy Utah Granite, disse: “Nossa presidência decidiu que nosso papel mais importante é aproximar nossas moças a Cristo, mostrando-lhes amor cristão.” 

Uma jovem líder disse: “A motivação de sua presidência de classe para manter contato com as moças é que elas se AMEM genuinamente!”  

Moças se sentam na grama e conversam. Embora muitos acampamentos estejam fechados durante este verão devido à COVID-19, através da tecnologia e outros recursos, ainda há muitas oportunidades e maneiras como a juventude pode se reunir.
Moças se sentam na grama e conversam. Embora muitos acampamentos estejam fechados durante este verão devido à COVID-19, através da tecnologia e outros recursos, ainda há muitas oportunidades e maneiras como a juventude pode se reunir. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Há um extraordinário, e muitas vezes inexplorado, potencial nas presidências das classes das Moças. Assim como as líderes adultas das Moças, estas jovens líderes foram chamadas por Deus e designadas por aqueles que possuem as chaves do sacerdócio. Foram atribuídas a elas responsabilidades de preparar, aconselhar, ensinar, ministrar e liderar.

“As presidências de classe podem ganhar confiança e capacidade de liderança”, disse Herbee Angolluan do Ramo 2 de San Isidro, Estaca Antipolo Filipinas. “Isto as fazem perceber que, dar um bom exemplo, não só ajuda outras moças, mas também as ajuda a saberem mais sobre sua capacidade de liderar e influenciar outras moças de sua idade.” 

Uma presidência de classe pode receber revelação ao fazer perguntas como: “A quem podemos abençoar hoje? Onde podemos servir? Quem precisa de uma mão amiga ou de uma palavra encorajadora?” Conforme agem com base nas impressões que recebem, aumenta nelas o amor e a caridade cristãos que lhes dão olhos para verem e coração para sentirem compaixão e preocupação com as moças. 

Um membro da presidência de classe das Moças em Sandy, Utah, envia mensagens para membros de sua classe.
Um membro da presidência de classe das Moças em Sandy, Utah, envia mensagens para membros de sua classe. Credit: Juliana Cole

Benedikte Willemann, presidente de classe na Ala Roskilde, Estaca Copenhague Dinamarca, compartilhou suas experiências: “Buscamos oportunidades para encontrarmos maneiras para permanecermos em contato e espiritualmente fortes juntas, mesmo estando fisicamente muito distantes. O uso da tecnologia em meu chamado [ajudou] a nos aproximarmos, a aumentarmos a espiritualidade de todas nós na organização das Moças e a fortalecermos nossas relações.” 

Nossas jovens foram chamadas por um Profeta de Deus para serem participantes ativas na obra de salvação e exaltação — para viverem o evangelho de Jesus Cristo, cuidarem dos necessitados, convidarem todos a receberem o evangelho e unirem as famílias para a eternidade. As presidências de classe fazem isto conforme levam a vida como um exemplo dos fiéis. Elas cuidam e ministram os membros de sua classe, apoiam membros novos e resgatam as menos ativas. Convidam pessoas de outras religiões e crenças a “virem e verem”. Incentivam a união das famílias através do trabalho missionário, do templo e da história da família. Estas moças trabalham juntas com o Espírito a fim de levarem outras a Cristo, de maneiras pequenas mas significativas.

9 citações de profetas e apóstolos sobre a capacidade da juventude

A presidente das Moças, Caroline Hoffman Carvalho da Ala Morada do Sol, Estaca Rio Verde Brasil, disse que a presidência de classe em sua ala está se comunicando por meio da tecnologia e encontrando formas para ajudarem cada menina a se concentrar no evangelho. “A maioria delas é o único membro da família. A presidência de classe organiza reuniões online para discutir o evangelho, estabelecer metas e ajudar umas às outras a permanecerem no caminho.”

A presidência geral das Moças: da esquerda para a direita, irmã Michelle D. Craig, primeira conselheira; presidente Bonnie H. Cordon e irmã Becky Craven, segunda conselheira.
A presidência geral das Moças: da esquerda para a direita, irmã Michelle D. Craig, primeira conselheira; presidente Bonnie H. Cordon e irmã Becky Craven, segunda conselheira. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Falando aos jovens, Presidente Russell M. Nelson disse: “[V]ocês foram enviados à Terra nesta época específica, a época mais importante da história do mundo, a fim de ajudarem na coligação de Israel! Não há nada acontecendo neste momento na Terra que seja mais importante do que isso. … Esta é a missão para a qual vocês foram enviados à Terra.”

Nossa juventude foi preparada de forma singular para viver e liderar neste momento crucial da história do mundo, quando tantos se preparam para a segunda vinda de Jesus Cristo. Eles são necessários agora — mais do que nunca.