Menu
NAS NOTÍCIAS

No aniversário de 181 anos, presidência geral da Sociedade de Socorro convida mulheres a refletirem

‘De que forma sua vida foi abençoada por fazer parte desta irmandade mundial?’, pergunta a presidente Johnson

Algumas irmãs participam de uma aula da Sociedade de Socorro em Manaus, Brasil.

Algumas irmãs participam de uma aula da Sociedade de Socorro em Manaus, Brasil.

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias


No aniversário de 181 anos, presidência geral da Sociedade de Socorro convida mulheres a refletirem

‘De que forma sua vida foi abençoada por fazer parte desta irmandade mundial?’, pergunta a presidente Johnson

Algumas irmãs participam de uma aula da Sociedade de Socorro em Manaus, Brasil.

Algumas irmãs participam de uma aula da Sociedade de Socorro em Manaus, Brasil.

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Celebrando o 181º aniversário da Sociedade de Socorro, a presidência geral da Sociedade de Socorro convidou mulheres de todo o mundo a comemorarem este ano, compartilhando coisas que elas amam e apreciam sobre a organização.

Olhando para o número 181, presidente Camille N. Johnson, presidente geral da Sociedade de Socorro, e sua segunda conselheira, a irmã Kristin M. Yee, perguntaram em uma postagem no Facebook e no Instagram [ambos em inglês]: “O que pode acontecer em 181 segundos (ou apenas cerca de 3 minutos)? Um texto, um e-mail ou uma palavra gentil? O que pode acontecer em 181 minutos (ou pouco mais de 3 horas)? Uma visita pessoal maravilhosa ou um belo encontro?”

“O que pode acontecer em 181 horas (ou pouco mais de uma semana)? Ou o que poderia acontecer em 181 dias (cerca de seis meses)?

“O que aconteceu em 181 anos? Mulheres e homens inspirados e uma sociedade focada em fornecer socorro em todo o mundo mudaram vidas de maneiras belas e incontáveis seguindo o exemplo de amor e serviço do Salvador”, escreveram a presidente Johnson e a irmã Yee.

A postagem termina com um convite para celebrarem o aniversário da Sociedade de Socorro ajudando a criar pelo menos 181 comentários “compartilhando coisas que você ama e aprecia sobre a Sociedade de Socorro, oficialmente organizada há apenas 181 anos.”

A presidente Johnson postou um vídeo com sua primeira conselheira, a irmã J. Anette Dennis, dizendo que a Sociedade de Socorro “permaneceu unida por uma causa maior” nos últimos 181 anos.

“Mulheres em todo o mundo usaram seu tempo e talentos para ajudarem a fornecer apoio e alívio de várias formas. Somos exemplos da escritura declarada em nosso emblema da Sociedade de Socorro: ‘A caridade nunca falha’”.

A presidente Johnson e a irmã Dennis perguntaram: “De que forma sua vida é abençoada por fazer parte desta irmandade mundial?”

Outras líderes também compartilharam uma mensagem sobre pertencerem à Sociedade de Socorro, a maior organização feminina do mundo. A irmã Michelle D. Craig, primeira conselheira na presidência geral das Moças, refletiu sobre a primeira vez que sua filha, Elisa, frequentou a Sociedade de Socorro.

A irmã Craig disse que, quando se sentaram ao lado de uma irmã mais velha em uma sala fria de sua ala, a mulher imediatamente notou Elisa, disse olá e lhe deu as boas-vindas à Sociedade de Socorro.

“Não demorou muito para eu ver Joanna fazer algo que falou por si e realmente representa o que somos como irmãs da Sociedade de Socorro”, escreveu a irmã Craig no Facebook e no Instagram. “Joanna tirou o xale de seus ombros frágeis e o colocou delicadamente sobre os ombros de minha filha. Isso é o que fazemos! Nosso serviço não precisa ser em grande escala, simplesmente fazemos o possível para nos conectarmos, observarmos as necessidades e depois fazermos o que pudermos.”

A primeira presidente da organização da Sociedade de Socorro, Emma Smith, comentou logo na primeira reunião que “faremos algo extraordinário”. A irmã Craig disse que vê o extraordinário na vida das irmãs da Sociedade de Socorro o tempo todo, tanto em tempos de crise quanto na vida cotidiana.

“As Sociedades de Socorro em todo o mundo estão repletas de mulheres extraordinárias e discípulas de Jesus Cristo”, disse ela.

A irmã Amy A. Wright, primeira conselheira na presidência geral da Primária, escreveu sobre a mudança para o outro lado do país com seu marido, um mês depois de se casarem.

“Ao entrarmos em uma cidade grande, meu coração começou a afundar quando percebi o quão longe estávamos do [que era] familiar para nós. Familiares, amigos conhecidos e um ambiente familiar”, a irmã Wright postou no Facebook e no Instagram.

Mas quando eles entraram na capela no domingo, tudo pareceu instantaneamente familiar, como se ela estivesse em casa.

“Então, mais tarde, quando entrei na sala da Sociedade de Socorro, aquela mesma sensação de familiaridade me envolveu, mas desta vez com o conforto adicional do alívio”, escreveu a irmã Wright. “Fui acolhida por um exército de mulheres que quase imediatamente começaram a cumprir o papel de avó, mãe, irmãs e amigas.”

A irmã Wright disse que a Sociedade de Socorro permite que ela dê os braços a mulheres extraordinárias em todo o mundo, que “explicam as escrituras”, “exortam a Igreja”, se rejubilam e “se apegam aos convênios [que fizeram]” (Doutrina e Convênios 25:7, 13).

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.