Veja o novo logotipo do Coro do Tabernáculo e o que ele representa

Em um momento sem precedentes, em que os anúncios e ajustes da Igreja parecem estar acontecendo quase diariamente, O Coro do Tabernáculo na Praça do Templo anunciou uma mudança importante nesta quinta-feira, dia 23 de abril.

Os líderes do coro revelaram um novo logotipo, desenhado para refletir a direção de uma perspectiva inovadora desta icônica organização, ao mesmo tempo que permanece ligado ao seu rico passado.

O novo logotipo — ou “identidade visual” — já está sendo usado no Twitter do coro e em outros sites de mídia social, apresentando os tubos do órgão do Tabernáculo, instantaneamente reconhecidos, com uma estética moderna.

Em outro aceno ao seu público contemporâneo e sua missão, o novo logotipo do coral tem um fluxo visual que dá vida aos tubos com um movimento em ascensão e queda, fazendo alusão ao ritmo da música. 

O novo logotipo foi desenhado para comunicar a alegria e a missão do coro e sua música. Os fãs de longa data do coro reconhecerão imediatamente os tubos do Tabernáculo no logotipo atualizado, “mas de uma maneira nova e revigorada”, disse o presidente do coro, Ron Jarrett. 

O novo logotipo também é simbolicamente rico com mensagens do evangelho.

Um dos principais tubos verticais aponta para Deus. A curva perto da parte inferior dos tubos é um lembrete da forma da cúpula do Tabernáculo. Há sete tubos incluídos no logotipo, cujo número simboliza “inteiro ou completo” nas escrituras. Enquanto isso, os tubos repousam sobre um “claro e firme” alicerce.

O novo logotipo do Coro do Tabernáculo, conforme descrito durante uma conferência pela plataforma Zoom para a mídia na quinta-feira, 23 de abril de 2020.
O novo logotipo do Coro do Tabernáculo, conforme descrito durante uma conferência pela plataforma Zoom para a mídia na quinta-feira, 23 de abril de 2020. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

“Creio que é importante notar que o logotipo simplificado foi desenhado para permitir que as pessoas adicionem seu próprio significado a ele”, disse o diretor musical Mack Wilberg. “Queremos que, aqueles que ouvem nossa música, sintam esperança, consolo, alegria e paz.” 

O anúncio de quinta-feira vem cerca de 18 meses depois que o coro mundialmente renomado mudou seu nome de Coro do Tabernáculo Mórmon para O Coro do Tabernáculo na Praça do Templo.

O logotipo revelado na quinta-feira é outro elemento do atual plano estratégico do coro que começou após sua mudança de nome no dia 5 de outubro de 2018, para “melhor alinhamento” com sua organização patrocinadora — A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

No início daquele ano, o Presidente Russell M. Nelson emitiu um comunicado enfatizando a importância de se estar “em harmonia” com a vontade do Senhor de usar o nome correto de Sua Igreja.

O Coro do Tabernáculo, na Praça do Templo, se apresenta durante o programa “Música e Palavras de Inspiração”, antes da sessão da manhã de domingo da 189ª Conferência Geral Semestral de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, no Centro de Conferências em Salt Lake City, no dia 6 de outubro de 2019.
O Coro do Tabernáculo, na Praça do Templo, se apresenta durante o programa “Música e Palavras de Inspiração”, antes da sessão da manhã de domingo da 189ª Conferência Geral Semestral de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, no Centro de Conferências em Salt Lake City, no dia 6 de outubro de 2019. Credit: Laura Seitz, Deseret News

“Estamos na vanguarda da Igreja no que diz respeito ao reconhecimento da marca, então sabia que teríamos a oportunidade de mudar nosso nome”, disse Jarrett no dia da mudança de nome do coral. “É uma oportunidade de seguir o profeta. É uma oportunidade de fazer o coro prosseguir. É uma oportunidade de estar onde deveríamos estar.”

O novo logotipo será incluído no próximo CD do coro, que será lançado em maio.

Localizado proeminentemente na Praça do Templo, o Tabernáculo de Salt Lake é o lar do coro desde 1867. O nome de O Coro do Tabernáculo na Praça do Templo oferece um consentimento histórico à conexão simbiótica entre a organização musical e a estrutura icônica.

“É um ajuste natural”, disse Jarrett. “’Tabernáculo,’ porque esta é a nossa casa. ‘Praça do Templo’ porque é onde nos apresentamos. É onde estamos localizados e onde servimos a Igreja.”

A mudança de nome também ofereceu consistência entre o coro e suas organizações irmãs, A Orquestra na Praça do Templo e Os sinos na Praça do Templo.

O porta-voz da Igreja, Daniel Woodruff, também comentou na quinta-feira sobre o status da turnê de verão do coro, programada para várias nações europeias.

“O Coro continua a analisar a situação no mundo todo e esperamos fazer um anúncio assim que pudermos”, disse ele.

O Coro e a Orquestra do Tabernáculo na Praça do Templo se apresentam no Weill Hall no Green Music Center em Rohnert Park, na Califórnia, na quarta-feira, 27 de junho de 2018.
O Coro e a Orquestra do Tabernáculo na Praça do Templo se apresentam no Weill Hall no Green Music Center em Rohnert Park, na Califórnia, na quarta-feira, 27 de junho de 2018. Credit: Kristin Murphy, Deseret News

O coro e a orquestra realizaram uma turnê pela última vez há dois anos, quando fizeram paradas em várias cidades ao longo da costa do Pacífico dos Estados Unidos e em Vancouver, no Canadá. A Classic Coast Tour de 2018 permitiu que o coro e a orquestra fizessem o que fazem melhor: conexões e novos amigos, enquanto continuavam seus papéis, há muito estabelecidos, como embaixadores musicais/missionários da Igreja.

Um destaque da turnê de 2018 que chamou a atenção foi um ensaio conjunto do coro com membros do Coro Masculino Gay de São Francisco, no dia 25 de junho, no Anfiteatro Shoreline em Mountain View, na Califórnia.

“O propósito da música é unir as pessoas”, disse Jarrett após aquele ensaio memorável. “A música afeta as pessoas de muitas maneiras. Foi uma ótima oportunidade para unir duas culturas, por assim dizer, para o centro das coisas e construir pontes, fazer amigos e ter uma experiência agradável para todos, por meio da música.”