Menu
In the News

‘O óbolo da viúva’: Missionário do Texas é homenageado por dar tudo de si durante missão de serviço

Élder Caleb Wood serve como missionário de serviço e, apesar dos desafios de saúde, recebeu um importante prêmio

merlin_2934587.jpeg

Élder Caleb Wood com seus líderes de missão, a sister Julie Atkinson e élder Mark Atkinson, e Courtney Weaver, gerente de operações da Trusted World, na cerimônia de premiação em que o élder Wood recebeu o prêmio “Espírito de Voluntariado” em Dallas, Texas, no dia 4 de maio de 2022.

FamíliaWood family


O élder Caleb Wood não acha que sua história seja especial. Mas os aplausos de pé mostraram o contrário. Em um banquete especial em 21 de julho, ele foi nomeado “Voluntário do Ano” de Dallas, Texas pela D CEO Magazine [em inglês], por seu trabalho na organização sem fins lucrativos Trusted World [em inglês].

“Várias vezes me perguntaram por que servir é tão importante para mim”, disse o élder Wood em seu discurso de agradecimento naquela noite [em inglês]. “Quanto mais respondo a esta pergunta, mais percebo que minha resposta é meio egoísta: gosto de fazer os outros felizes, e fazer os outros felizes me deixa feliz.”

Como seu avô o ensinou: “Nós amamos a quem e pelo que nos sacrificamos.”

Os desafios de saúde significam que servir não é fácil para ele fisicamente. Élder Wood, de 20 anos, tem tumores cerebrais e dificuldades de mobilidade e cognitivas, devido às complicações causadas pelos tumores. Mas superar suas limitações lhe traz alegria, satisfação e paz.

Seus líderes na área da Missão de Serviço Texas Dallas Leste, o élder Mark Atkinson e a sister Julie Atkinson, veem sua perseverança e fidelidade. “As pessoas percebem que esta é ‘o óbolo da viúva’. Ele serve apenas algumas horas, mas é tudo o que ele tem”, disse o élder Atkinson.

DSC_2699.jpeg

Élder Caleb Wood, que está servindo em uma missão de serviço em Dallas, Texas, recebe o prêmio Voluntário do Ano da D CEO Magazine, em 21 de julho de 2022.

Bret Redman

Um desejo de servir

Servir em uma missão tem sido o sonho do élder Wood desde que ele se lembra, mas por causa de sua saúde, às vezes parecia estar fora de alcance. Ele orou muitas vezes por uma maneira de poder servir.

“Ele ouviu os desejos do meu coração e a porta da missão se escancarou”, disse o élder Wood. “Amo servir como missionário de tempo integral.”

Sua mãe, Andi Wood, disse que seu filho “acredita 100% e de todo o coração que as missões de serviço surgiram para que ele e muitos outros pudessem servir. O Senhor sabia que tinha esse desejo.”

Em novembro, o élder Wood completará seu serviço de dois anos. Ele serve acompanhado por sua família: sua mãe, seu pai, Daniel Wood, e sua irmã, Tayah, de 19 anos, para cumprir suas designações na Trusted World, que ajuda a fornecer recursos como alimentos e roupas para escolas, polícia e outras organizações sem fins lucrativos.

“Tem sido uma bela maneira de servir”, disse Andi Wood. “Ser capaz de servir ao lado dele foi a maior bênção de minha vida.”

merlin_2934585.jpeg

Andi, Tayah, Caleb e Daniel Wood juntos na Trusted World em Dallas, Texas. O élder Caleb Wood foi designado para servir na organização sem fins lucrativos em Dallas, Texas, em sua missão de serviço, de novembro de 2020 a novembro de 2022.

Família Wood

O élder Wood também é designado para trabalhar no templo todas as semanas. Sua experiência missionária é adaptada às suas necessidades e habilidades. Ele se reporta a seu presidente da Estaca Allen Texas, e o élder e a sister Atkinson também se reúnem com ele, cuidam de sua agenda diária e realizam devocionais e conferências missionárias.

Élder Atkinson explicou que as missões de serviço são organizadas de acordo com os dons, talentos e interesses de cada missionário. Podem ser muito flexíveis para aliviar e não estressar o missionário. Alguns missionários trabalham de 6 a 8 horas por semana, outros trabalham até 50 horas por semana; às vezes eles se alternam entre diferentes designações, outras vezes permanecem em uma designação durante toda a missão.

O élder Doug Clark e a sister Michelle Clark eram os líderes da missão quando o élder Wood começou seu serviço e o ajudaram a conectá-lo à Trusted World. “A recepção do élder Wood lá, assim como em todos os lugares que ele vai, é literalmente um vislumbre do céu”, disse o élder Clark que, com a sister Clark, agora serve como consultor de apoio à missão de serviço na Área América do Norte Sudoeste da Igreja.

Duas homenagens

Élder Wood foi reconhecido pela primeira vez por seu voluntariado em maio, em uma cerimônia de premiação com a Trusted World [em inglês]. Ele recebeu o prêmio Spirit of Volunteerism [Espírito de Voluntariado] da organização, por seu compromisso de servir aos outros acima de si mesmo, e sua determinação altruísta de ajudar os outros.

merlin_2934593.jpeg

Élder Caleb Wood, à direita, recebe o prêmio Spirit of Volunteerism, do CEO da Trusted World, Michael Garrett, em Dallas, Texas, em 4 de maio de 2022.

Mark Atkinson

Ao aceitar o prêmio, élder Wood disse, que ninguém passa pela vida sem dificuldades de uma forma ou de outra. “No entanto, sei que o Pai Celestial envia anjos terrenos para vir em nosso auxílio em momentos de medo, perda, tristeza, dor e pesar. Estar aqui na Trusted World é uma maneira de eu ser o anjo terreno de alguém.”

Esse prêmio colocou então élder Wood na disputa pelo prêmio Voluntário do Ano da D CEO Magazine [em inglês], seu prêmio de maior prestígio. E quando o élder Wood ganhou este prêmio, ele estava novamente usando sua plaqueta de missionário.

merlin_2934591.jpeg

Élder Caleb Wood com sua família à esquerda; seus líderes de missão, élder Mark Atkinson e sister Julie Atkinson, ao centro; Melissa McKneely, élder Jay Jones e élder Bradley Walton, na cerimônia de premiação da Trusted World em Dallas, Texas, em 4 de maio de 2022.

Mark Atkinson

A sister Atkinson disse que nas duas vezes em que o élder Wood foi homenageado, ele prestou seu testemunho, “e os olhos de todos na audiência se encheram de lágrimas.”

Ele diz que a razão pela qual ele serve é porque Deus tem sido tão bom para ele em sua vida. Ele nunca saiu do seu lado. Mas o élder Wood ficou bastante surpreso e emocionado ao receber o prêmio de Voluntário do Ano. Ele se sentiu indigno ao pensar em tantos outros voluntários que trabalham para ajudar suas comunidades a serem lugares melhores e mais felizes.

“Qualquer ato de serviço é importante porque há tantas pessoas no mundo que só precisam saber que alguém se importa”, disse o élder Wood. “Não consigo pensar em uma experiência melhor do que sair da minha própria bolha e ajudar meus vizinhos a sentirem o amor de Deus. As experiências de serviço por si só são a maior recompensa.”

Um convite a outros

Em seu discurso de aceitação em julho, élder Wood lançou um desafio: “Na próxima vez que passarem por um dia difícil, por favor, encontrem uma organização cuja missão seja ajudar os outros e se tornem voluntários”, disse ele à audiência. “Eu prometo que vocês sairão mais leves e felizes do que quando entraram, e sentirão empatia, compaixão e amor por seus vizinhos na área metropolitana de Dallas e em todo o mundo.”

Screen_Shot_2022_08_08_at_3.14.22_PM.png

Élder Caleb Wood faz um discurso de aceitação depois de ganhar o prêmio de Voluntário do Ano da D CEO Magazine em Dallas, Texas, em 21 de julho de 2022.

Captura de. tela do vídeo da Trusted World no Facebook

Élder Wood disse ao Church News que ele diria a outros rapazes e moças, que não têm certeza se podem servir missão, “a dar o salto de fé necessário para apenas tentar.” Ele sabe que se houver desejo de servir, Deus abrirá portas.

“Uma missão é uma missão”, disse ele, acrescentando que sua missão de serviço é tão importante quanto a de proselitismo, porque, em todos os sentidos, ele ensina o evangelho com suas ações e suas palavras ao servir os outros.

“Foi exatamente o melhor para mim, e sei que o Pai Celestial encontrará exatamente o melhor para todos os Seus filhos que desejam servir missão de tempo integral”, disse o élder Wood.

Andi Wood disse que a linha do tempo da vida de seu filho está nas mãos do Senhor, o que os torna ainda mais gratos por terem o evangelho e a perspectiva que ele traz. “Ele ainda tem coisas a fazer e, até que essas coisas sejam feitas, vemos cada dia como uma bênção.”

Élder Wood já tocou muitas vidas nesta Terra. Mas ele enfatizou que sua história não é única ou especial.

“Minhas provações foram embrulhadas em um laço rosa, enquanto as suas podem ter um azul ou roxo”, disse ele. “Nós dois ainda temos uma fita para desatar para chegarmos ao prêmio, e sempre há um prêmio porque o Pai Celestial nos ama.”

Ele concluiu: “Não importa quanto tempo leve para desatar o laço, veja a beleza e o valor em cada nó. Eu prometo, faz toda a diferença no mundo e permite escolher a felicidade, apesar das dificuldades que vêm.”

merlin_2934589.jpeg

Daniel, Andi, Tayah e Caleb Wood.

Família Wood

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.