Dobra o número de templos que reabrirão, conforme a Igreja aumenta seus esforços de reabertura gradual

O número de templos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias que estão reabrindo de forma limitada para realizar ordenanças de selamento de marido e mulher dobrou, e aos 17 inicialmente identificados na semana passada pela Primeira Presidência, se juntarão outros 17 anunciados na segunda-feira, dia 11 de maio.

Menos de uma semana depois que a Primeira Presidência explicou “a reabertura cuidadosamente coordenada, cautelosa e gradual dos templos” começando com 17 templos localizados nos estados de Utah e Idaho, nos Estados Unidos, assim como na Alemanha e Suécia, 17 outros templos foram adicionados à lista no mesmo dia em que os primeiros 17 reabriram.

Aqueles templos programados para reabrir na segunda-feira, dia 18 de maio, para a primeira fase do processo de quatro fases da Igreja, incluem 14 templos nos Estados Unidos — no Alabama, Arizona, Dakota do Norte, Geórgia, Montana, Nebraska, Tennessee, Utah e Wyoming — e a reabertura de templos na Coreia, Dinamarca e Taiwan.

Após um período de seis semanas durante o qual todos os templos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias ficaram fechados devido à pandemia global de COVID-19, a Primeira Presidência anunciou um plano de reabertura dos templos por meio de uma carta enviada aos líderes gerais e locais, datada de quinta-feira, dia 7 de maio.

O Templo de Seul Coreia.
O Templo de Seul Coreia. Credit: Foto de Greg Hill

A Fase 1 do processo de reabertura permite que as ordenanças próprias de selamento entre marido e mulher sejam realizadas, para membros que já receberam a investidura, seguindo rigorosas diretrizes e precauções de segurança.

Os templos que começarão a Fase 1 de reabertura a partir de segunda-feira, dia 18 de maio, incluem:

  • Templo de Atlanta Geórgia
  • Templo de Billings Montana
  • Templo de Birmingham Alabama
  • Templo de Bismark Dakota do Norte
  • Templo de Copenhague Dinamarca
  • Templo de Gila Valley Arizona
  • Templo de Gilbert Arizona
  • Templo de Jordan River Utah
  • Templo de Memphis Tennessee
  • Templo de Nashville Tennessee
  • Templo de Phoenix Arizona
  • Templo de Seul Coreia
  • Templo de Snowflake Arizona
  • Templo de Star Valley Wyoming
  • Templo de Taipei Taiwan
  • Templo de Tucson Arizona
  • Templo de Winter Quarters Nebraska

O anúncio da semana passada incluiu a descrição do processo de reabertura gradual e os primeiros 17 templos reabertos na fase inicial.

As fases são:

  • Fase 1: Abertura apenas para selamentos próprios, restritos. Os oficiantes do templo realizarão selamentos próprios apenas para membros que já receberam a investidura, sob rigorosas diretrizes e precauções de segurança.
  • Fase 2: Abertura apenas para a realização de todas as ordenanças próprias. Os oficiantes do templo realizarão todas as ordenanças do templo para pessoas vivas, mas manterão fechados os alojamentos, vestiários e refeitórios.
  • Fase 3: Abertura para todas as ordenanças, com restrições. Os oficiantes do templo continuarão realizando ordenanças para pessoas vivas e ordenanças vicárias para os antepassados de forma restrita. A Igreja reabrirá os serviços de alojamentos, vestiários e refeitórios, conforme necessário.
  • Fase 4: Abertura para o pleno funcionamento. A Igreja reiniciará o funcionamento regular dos templos.

Os seguintes templos começaram a Fase 1 de reabertura no dia 11 de maio:

  • Templo de Boise Idaho
  • Templo de Bountiful Utah
  • Templo de Brigham City Utah
  • Templo de Cedar City Utah
  • Templo de Estocolmo Suécia
  • Templo de Frankfurt Alemanha
  • Templo de Freiberg Alemanha
  • Templo de Idaho Falls Idaho
  • Templo de Logan Utah
  • Templo de Manti Utah
  • Templo de Monticello Utah
  • Templo de Ogden Utah
  • Templo de Oquirrh Mountain Utah
  • Templo de Payson Utah
  • Templo de Provo City Center
  • Templo de Provo Utah
  • Templo de Twin Falls Idaho

A lista completa de templos da Igreja que estão fechados ou que estão reabrindo gradualmente pode ser encontrada no site da Sala de Imprensa.

O Templo de Billings Montana.
O Templo de Billings Montana. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

A Primeira Presidência declarou que, conforme as restrições e as condições locais permitirem, o Departamento de Templos da Igreja autorizará a reabertura de mais templos e outras oportunidades serão disponibilizadas para a realização de selamento de filhos aos pais e ordenanças próprias de investidura, bem como a participação em ordenanças vicárias.

Os selamentos da Fase 1 ocorrerão de segunda a sábado, apenas por agendamento, e inicialmente serão limitados a uma cerimônia de selamento ou família por vez no templo. A Igreja terá um número muito limitado de pessoas trabalhando no templo.

De acordo com um comunicado de imprensa da Igreja sobre o anúncio, os casais a serem selados precisarão viver dentro da área geográfica aprovada para receber ordenanças naquele templo. Todas as diretrizes governamentais e de saúde pública serão observadas, incluindo restrições relacionadas à viagem e travessia de fronteiras estaduais ou regionais, e o uso de equipamentos de segurança, como máscaras. O número de convidados presentes no selamento será limitado.