Abertura de terra do templo de Brasília, o qual reduzirá muito as viagens para membros do interior do Brasil

Com a abertura de terra daquele que será o 10º templo brasileiro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, esse edifício sagrado — juntamente com os outros 224 templos em funcionamento, em construção ou anunciados — será um ponto central de adoração.

Foi o que disse o Élder Adilson de Paula Parrella, Setenta Autoridade Geral e presidente da Área Brasil, ao presidir o evento no sábado, dia 26 de setembro, e oferecer a oração dedicatória.

“Façamos do templo o centro de nossa adoração. Um lugar para sermos ensinados, consolados e investidos com poder do alto”, disse ele na pequena cerimônia realizada antes de uma também pequena reunião devido às diretrizes de distanciamento social da COVID-19.

Élder Joaquin E. Costa, da presidência da Área Brasil, se dirige a um pequeno grupo reunido para a cerimônia de abertura de terra do Templo de Brasília Brasil no sábado, dia 26 de setembro de 2020.
Élder Joaquin E. Costa, da presidência da Área Brasil, se dirige a um pequeno grupo reunido para a cerimônia de abertura de terra do Templo de Brasília Brasil no sábado, dia 26 de setembro de 2020. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Élder Parrella incentivou os membros da Igreja a compartilharem a importância do templo e todos os ensinamentos de Deus com aqueles ao seu redor.

“Compartilhem o evangelho de forma normal e natural, inclusive usando as mídias sociais, que nos dão acesso a amigos, conhecidos e àqueles com quem nos encontramos. Convidem todos a conhecerem mais sobre Jesus Cristo”, disse ele. 

Élder Parrella estava acompanhado pelo Élder Joaquin E. Costa e pelo Élder Joni L. Koch, da presidência da Área Brasil, além de Damares Alves, ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos do Brasil. 

“Tivemos templos em tempos antigos, temos templos hoje”, disse o Élder Costa, um dos vários oradores da cerimônia. “Tivemos profetas e apóstolos e temos profetas e apóstolos hoje.” 

O Templo de Brasília Brasil estará localizado em um terreno de aproximadamente 24.280 metros quadrados na SGA/Norte Quadra 612 – Lote “C” em Brasília, capital do país. Foi planejada a construção de um edifício de um andar com aproximadamente 2.320 metros quadrados, com um alojamento para os frequentadores do templo, e uma capela, os quais também serão construídos no local. 

Presidente Thomas S. Monson anunciou os planos para construção do templo de Brasília Brasil durante a Conferência Geral de Abril de 2017. Os sete templos em funcionamento no Brasil são os templos de Campinas, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Porto Alegre, Recife e São Paulo.

A abertura de terra do Templo do Rio de Janeiro Brasil foi realizada no dia 4 de março de 2017, com a dedicação planejada para maio deste ano. No entanto, a dedicação foi adiada no dia 18 de março, devido às preocupações com a COVID-19. A abertura de terra do Templo de Belém Brasil aconteceu no sábado, dia 17 de agosto de 2019.

Presidente Russell M. Nelson anunciou um templo para Salvador — o 11º do país — em outubro de 2018.

Um número limitado de convidados participa da cerimônia de abertura de terra do Templo de Brasília Brasil no sábado, dia 26 de setembro de 2020. Damares Alves, ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (à direita), esteve presente na cerimônia de abertura de terra.
Um número limitado de convidados participa da cerimônia de abertura de terra do Templo de Brasília Brasil no sábado, dia 26 de setembro de 2020. Damares Alves, ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (à direita), esteve presente na cerimônia de abertura de terra. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

No Brasil há 35 missões e mais de 1,4 milhão de membros em cerca de 2.000 congregações em todo o vasto país sul-americano. O Brasil tem o maior número de membros da Igreja no mundo, depois dos Estados Unidos e do México.

Élder Parrella, que presidiu o evento de sábado, comentou durante a dedicação do templo de Fortaleza, em junho do ano passado, sobre a maturidade espiritual dos membros em todo o Brasil. “Vemos um desejo e uma determinação dos membros de seguir o profeta vivo e se esforçarem para viver uma vida em harmonia com os ensinamentos do Salvador Jesus Cristo”, disse ele. 

Durante décadas, houve apenas um templo — o Templo de São Paulo Brasil, que foi dedicado em 1978 — para servir membros de todo o país, que é tão grande quanto os 48 estados dos Estados Unidos juntos, mais o Havaí e dois terços do Alasca. E por vários anos, foi o único templo em todo o continente sul-americano.

Durante esses anos, a frequência ao templo muitas vezes exigia muitos dias de viagem de ida e volta de ônibus com alguns membros — sendo que aqueles em áreas remotas de Manaus ainda necessitando fazer viagens adicionais de barco.

Mesmo com sete templos em funcionamento, muitos santos dos últimos dias ainda precisam percorrer longas distâncias, fazendo grandes sacrifícios para desfrutarem das bênçãos da frequência ao templo. O de Brasília — a capital do Brasil, localizada no coração do país — será o primeiro templo do interior geográfico do Brasil.

Um grupo de santos dos últimos dias em Brasília, Brasil, participa da abertura de terra do Templo de Brasília Brasil no sábado, dia 26 de setembro de 2020. A participação no evento foi limitada devido às atuais diretrizes de distanciamento social relacionadas à COVID-19.
Um grupo de santos dos últimos dias em Brasília, Brasil, participa da abertura de terra do Templo de Brasília Brasil no sábado, dia 26 de setembro de 2020. A participação no evento foi limitada devido às atuais diretrizes de distanciamento social relacionadas à COVID-19. Credit: Intellectual Reserve, Inc.

Em um artigo publicado em 2018 sobre a rica herança de templos no Brasil, Élder W. Mark Bassett, Setenta Autoridade Geral que estava servindo como conselheiro da presidência da Área Brasil na ocasião, citou um tour de missão que realizou em Palmas, onde enfatizou o templo como a meta de membros e conversos.

Quando soube pelo presidente da missão que o templo mais próximo ficava em Campinas, ficou atordoado. “Porque é muito, muito longe”, disse Élder Bassett.

De Palmas a Campinas — que é do interior do Brasil até a parte sul do país, perto de São Paulo — há uma distância de cerca de 1.770 quilômetros e uma viagem de carro, sem parar, leva mais de 20 horas. O templo em Brasília reduzirá pela metade o tempo e a distância — e espera-se que também o custo — mas ainda será uma viagem de mais de 10 horas pela estrada.