Templo de Provo Utah será reconstruído: Veja como será o resultado final

A reconstrução planejada para o Templo de Provo Utah, conforme anunciada no mês passado pelo Presidente Russell M. Nelson, resultará em uma grande remodelação e reforma externa do templo, pouco antes de seu 50º aniversário.

As mudanças do templo serão semelhantes às realizadas vários anos atrás em seu edifício sagrado gêmeo, o Templo de Ogden Utah, que passou por uma grande reforma e mudança arquitetônica, como nenhum outro templo de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

A Igreja divulgou a ilustração do exterior do remodelado Templo de Provo Utah na quarta-feira, dia 24 de novembro de 2021[em inglês], juntamente com a ilustração do novo Templo de Smithfield Utah.

Após anunciar 13 locais para novos templos em seus comentários de encerramento na conferência geral de outubro de 2021, Presidente Nelson mencionou a “reconstrução do Templo de Provo Utah após a dedicação do Templo de Orem Utah”.

Templo de Provo Utah.
Templo de Provo Utah. Crédito: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

A localização do templo Provo permanecerá a mesma — na entrada do Rock Canyon, nas montanhas no lado leste de Provo, com vista para o Centro de Treinamento Missionário de Provo, o campus da Universidade Brigham Young, as regiões de Provo e Orem, e o Utah Lake. As datas para o fechamento serão anunciadas futuramente.

Há quase 50 anos, os templos praticamente idênticos de Ogden e Provo foram dedicados — em 18 de janeiro de 1972 e 9 de fevereiro de 1972, respectivamente. Os dois pareciam quase idênticos, com um design modernista e contemporâneo de uma única torre que parecia sair de um tambor envolto por arcos no estilo gótico.

Em fevereiro de 2010, a Igreja anunciou planos de remodelação para o Templo de Ogden Utah, incluindo uma reforma externa geral, o que resultou no design e na aparência “clássicos de um templo”. O templo fechou no dia 2 de abril de 2011, quase 40 anos após sua abertura, para uma extensa renovação que durou três anos e meio.

E em breve, o Templo de Provo Utah passará por um processo semelhante de remodelação e reconstrução, o que resultará em uma fachada muito diferente da atual.

Templos no Vale de Utah.
Templos no Vale de Utah. Crédito: Gráfico do Church News

A construção do Templo de Orem Utah — um edifício com três andares, 6.500 m² e uma única torre central anexa —  tem continuado desde a abertura de terra no dia 5 de setembro de 2020. Nenhuma data prevista de conclusão ou dedicação foi anunciada.

O Templo de Orem está localizado em um terreno de 6,22 hectares na rua 1471 S. Geneva Road, 7,24 km a oeste do Templo de Provo Utah.

Quando o templo de Provo fechar para reformas, a região de Utah Valley terá seis templos dedicados — os templos de Orem, Provo, Provo City Center, Payson, Mount Timpanogos e Saratoga Springs. O Templo de Saratoga Springs provavelmente será concluído e dedicado bem antes do Templo de Orem, já que teve sua construção iniciada 11 meses antes.

Um sétimo templo foi anunciado para Lindon, Utah, ao norte de Orem, e está em fase de planejamento e design.

Projeto ‘secundário’ ao propósito do templo

Além da ampla remodelação externa, o renovado Templo de Provo ficará sem uma estátua do anjo Morôni. Originalmente construído sem uma, o templo teve sua estátua atual do anjo Morôni acrescentada ao topo da torre em 2003, três décadas após a dedicação.

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias reafirmou que o propósito principal de seus templos é aproximar as pessoas a Deus e a Seu Filho, Jesus Cristo, por meio da adoração, da instrução e das ordenanças sagradas unificadoras, com os designs exteriores e interiores e elementos dos templos secundários a esse propósito.

Ilustração do exterior do remodelado Templo de Provo Utah.
Ilustração do exterior do remodelado Templo de Provo Utah. Crédito: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Um documento de recursos da Sala de Imprensa intitulado “Estátuas do Anjo Morôni nos Templos” [em inglês] afirma:  

“O design de um templo, tanto interno quanto externo, é secundário a seu propósito principal, que é aproximar as pessoas a Deus e a Seu Filho, Jesus Cristo, ao participarem de cerimônias sagradas que ensinam o plano de Deus e unem as famílias para sempre.”

E acrescenta o seguinte sobre a estátua do anjo Morôni: “Embora a estátua do anjo Morôni ocupe um lugar de destaque em muitos templos em todo o mundo — simbolizando a restauração do evangelho de Jesus Cristo — ela não é um requisito para o design de um templo. Alguns templos podem incluir a estátua, enquanto outros, não.”

Uma retrospectiva sobre os templos de Provo e de Ogden

Em 1967, a Primeira Presidência anunciou dois novos templos — para Provo e Ogden — os primeiros templos em Utah em mais de 75 anos. Na época, 52% de todo o trabalho do templo no mundo estava sendo realizado em três templos de Utah: Salt Lake, Logan e Manti. Em vez de ampliar os templos superlotados, a Igreja optou por construir dois novos edifícios sagrados.

Templo de Ogden Utah, como visto de 1972 a 2010, quando um plano de remodelação e reconstrução foi anunciado.
Templo de Ogden Utah, como visto de 1972 a 2010, quando um plano de remodelação e reconstrução foi anunciado. Crédito: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Os templos de Provo e de Ogden foram projetados por Emil B. Fetzer, arquiteto da Igreja que serviu de 1965 a 1986 e projetou mais de 20 templos.

Para agilizar o processo e economizar com a construção, os dois foram construídos sob o mesmo plano básico. O layout interno — seis salas de ordenanças em torno de uma sala celestial central — permitia que a instrução fosse conduzida em vários idiomas em uma única sala, com uma nova sessão podendo ser iniciada a cada 20 minutos.

A abertura de terra do Templo de Provo foi realizada no dia 15 de setembro de 1969, com a pedra angular assentada no dia 21 de maio de 1971, enquanto o templo ainda estava em construção. Desde então, as cerimônias de colocação da pedra angular têm sido ligadas às dedicações dos templos.

O período de visitação pública, realizado durante três semanas em janeiro de 1972, atraiu quase 250 mil visitantes. A dedicação no dia 9 de fevereiro de 1972 foi conduzida em apenas duas sessões — ao contrário das três realizadas no mês anterior em Ogden — já que a cerimônia foi transmitida por um circuito fechado de televisão para vários auditórios no campus da BYU, incluindo o Marriott Center, recém-construído na época. Assim sendo, mais de 70 mil pessoas assistiram às cerimônias de dedicação do Templo de Provo.

Em 2016, o Templo de Provo City Center — reconstruído a partir do antigo Tabernáculo de Provo —  foi dedicado, se tornando o segundo templo na cidade de Provo.

Reforma do Templo de Ogden

Templo de Ogden Utah.
Templo de Ogden Utah. Crédito: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Para a extensa reforma do Templo de Ogden, todo o exterior foi remodelado, incluindo novo granito e vitrais artísticos. A entrada foi transferida do lado oeste para o leste, de frente para a rodovia Washington Boulevard. Além disso, fontes e um estacionamento subterrâneo foram acrescentados.

No interior, a estrutura central do edifício foi mantida, embora algumas salas tenham sido reconfiguradas. Os antigos sistemas elétricos, hidráulicos e de aquecimento foram substituídos por equipamentos modernos e mais eficientes.

Após a conclusão da reforma, o novo Templo de Ogden foi mostrado ao público em um período de visitação pública do início de agosto ao início de setembro de 2014, e rededicado no dia 21 de setembro.